Saiba como um software objetivo e simples pode dinamizar sua empresa

Os softwares são programas desenvolvidos com o objetivo de auxiliar os usuários em suas tarefas. Destinam-se, de forma especial, aos negócios, sendo muito utilizados pelas empresas para ajudar na gestão financeira, operacional e administrativa.

Eles são produtos cuja finalidade é aumentar a eficiência do trabalho, melhorando o desempenho nas atividades e a produtividade, tornando os processos mais ágeis e fáceis de realizar, eliminando a necessidade recorrente de intervenção humana por meio da automação. Com um bom software, é possível reduzir custos e, ao mesmo tempo, melhorar o nível de qualidade do trabalho e seus resultados, o que é vantajoso para a empresa que consegue maior satisfação de seus clientes.

Mas a demanda maior das organizações é por softwares mais simples e objetivos, cujo uso seja mais intuitivo, consumindo menos tempo em treinamentos e em adaptações.

Saiba como um software objetivo e simples pode dinamizar sua empresa, tornando-a mais competitiva!

As qualidades de um bom software

Na introdução, resumimos as características de um software. Mas nem todos são iguais. Há diferenças entre eles, de modo que é possível encontrar um mais funcional que outro. Também é possível que um determinado programa seja mais adequado ao seu negócio que outro.

Existem softwares que são mais complicados de usar, o que torna inviável sua aquisição, considerando que será necessário mais tempo para adaptação e aprendizado da equipe.

Vamos analisar as principais características e qualidades de um software objetivo.

A funcionalidade

Trata-se do conjunto de funções que satisfaz as necessidades evidentes (e as implícitas também) para o objetivo a que o software é destinado.

Devemos observar se ele apresenta:

  • acuracidade: gera os resultados corretos, conforme o combinado;
  • adequação: faz efetivamente o que é apropriado;
  • interoperabilidade: interage bem com os sistemas especificados;
  • conformidade: segue as normas e convenções definidas pela legislação e descrições similares;
  • segurança de acesso: evita o acesso não autorizado ou mesmo acidental ao sistema.

A usabilidade

Trata-se da facilidade no uso do software. Ele deve oferecer:

  • inteligibilidade: facilidade na compreensão dos conceitos aplicados;
  • apreensibilidade: facilidade na apreensão do uso;
  • operacionalidade: facilidade na operação e controle da operação.

A eficiência

Os recursos e o tempo dispendido oferecem compatibilidade com o nível de desempenho requerido para o produto. É necessário observar:

  • o comportamento em relação aos recursos, ou seja, quantos recursos o programa utiliza;
  • o comportamento em relação ao tempo, ou seja, qual o tempo de resposta e de processamento.

A manutenibilidade

Um software objetivo deve ser fácil para corrigir, atualizar e alterar. Os seguintes aspectos precisam ser analisados:

  • a analisibilidade: as falhas devem se fáceis de identificar quando acontecem;
  • a estabilidade: no caso de modificações efetuadas, o produto não deve apresentar muitas possibilidades de bugs;
  • a modificabilidade: os defeitos devem ser fáceis de remover e modificar.

A portabilidade

Essa característica e qualidade diz respeito à facilidade de usar o software em plataformas diferentes com esforço pequeno de adaptação. O software precisa ter:

  • adaptabilidade: adapta-se a outros ambientes sem a necessidade de aplicar outros meios além daqueles que já são ofertados pelo produto com esse objetivo;
  • capacidade para ser instalado: fácil de ser instalado em outros ambientes;
  • capacidade para substituir: fácil de ser substituído por outro software;
  • conformidade: segue as convenções e os padrões de portabilidade.

A importância de um software objetivo

Um software objetivo é importante para sua empresa porque contribui com uma série de vantagens.

A dinamização dos processos

Por exemplo, ele torna os processos mais dinâmicos, pois ficam mais rápidos e autônomos, cada vez menos dependentes da ação humana. A automação dos processos é uma forma de evitar erros constantes e o desgaste resultante de ações repetitivas características de certas operações.

A redução dos erros

Os erros diminuem na medida em que o software estiver programado para a realização de determinadas atividades. O software trabalha com algoritmos, que permitem um trabalho mecânico, contínuo, sempre seguindo as mesmas “regras”, ou seja, as operações seguem parâmetros predefinidos.

No caso de cálculos, um software revela-se ainda mais valioso, pois evita fazer contas erradas que podem atrapalhar a gestão financeira e fiscal. Um exemplo é o cálculo de alíquotas na hora de pagar impostos e contribuições.

A integração

Os softwares bons conseguem integrar bem os diferentes setores de uma organização, otimizando o fluxo de informações e melhorando o nível de qualidade nas comunicações.

A integração também pode acontecer entre o software e outros sistemas que já existem na empresa, unificando ainda mais as informações e a própria tecnologia.

A centralização dos dados

O armazenamento dos dados em um só banco de dados possibilita a rápida consulta de informações e a geração de relatórios detalhados, mais precisos. Assim, o gestor terá uma visão sistêmica de como a organização está trabalhando e como é possível melhorar os processos visando aumentar os lucros e reduzir os gastos.

Um banco único oferece um conjunto de dados mais completo, uma visão holística da performance de todo o negócio. Desse modo, a empresa pode efetivar operações com mais simplicidade, dispensando a necessidade de sistemas isolados do restante da empresa. Consequentemente, os serviços oferecidos aos clientes são aprimorados.

A tecnologia Cloud Computing

Atualmente, as empresas optam por soluções na nuvem (tecnologia Cloud Computing). Um software objetivo certamente procura atuar no ambiente online em função dos benefícios que são oferecidos aos usuários.

Primeiramente, um produto que atua na nuvem não precisa ser comprado, nem instalado. Não há necessidade de comprar equipamentos para receber o produto.

Outra vantagem é que você pode acessar o software em tempo real e de qualquer lugar, ou seja, o gestor não fica restrito ao computador da empresa: em casa, na rua, em qualquer local, de um celular ou de um notebook, de outro computador desktop, ele pode utilizar o programa desde que tenha acesso à internet. Essa mobilidade é muito importante para a empresa moderna, cujo ritmo é ainda mais acelerado, o trabalho está em todo lugar.

Existe segurança também, na forma de acesso controlado através de senhas, mensagens criptografadas, bloqueios automáticos, backups e recuperação de arquivos, antivírus e outras ferramentas como antimalwares e firewalls.

Naturalmente, essas vantagens ajudam a diminuir despesas dentro da empresa.

Um software objetivo é aquele que oferece os melhores benefícios, nem sempre pelo preço mais baixo, mas certamente pelo melhor custo-benefício.

Aproveite, entre em contato com a empresa e conheça o software de gestão online que ela oferece!

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta